Enxaguatorio bucal em excesso pode ser prejudicial