Você é daquelas que treinam pesado? Fique de olho, pois a tendinite pode pintar por aí. Aprenda a evitar o problema e se exercite numa boa

Texto Amanda Nicácio | Edição Cáren Nakashima | Adaptação Ana Paula de Araujo

Exercícios pesados podem causar tendinite

Exercícios pesados podem causar tendinite

Foto: Christian Parente

Exercitar-se é, sem dúvida, uma das formas mais eficazes de prevenir doenças. Até mesmo a tendinite – isso quando falamos de fortalecimento da musculatura e alongamentos. Em contrapartida, quem treina pesado e faz exercícios de resistência que requerem mais do estiramento, repetição e carga do tendão em relação à articulação, pode desenvolver tendinite. Os mais afetados são os tornozelos, joelhos e quadris, mas depende muito da modalidade praticada.

“Os tendões são responsáveis pela inserção do músculo no osso e é a parte mais vulnerável do sistema musculoesquelético, portanto, é diretamente mais sobrecarregada na prática de esportes”, explica José Ribamar Moreno, especialista em dor e diretor-médico do Centro de Tratamento Intensivo da Dor (RJ).

Para evitar a tendinite causada por exercícios, é importante ter um bom condicionamento cardiorrespiratório, então não pule o exercício aeróbico. Adicione à sua rotina de treino caminhadas ou corridas diárias a 6 km/h durante 40 minutos. “Priorize uma dieta apropriada, rica em fibras, água, alimentos integrais e naturais sem processamento, além de jamais expor uma área do corpo a uma carga superior à capacidade que ela possa sustentar”, finaliza José Ribamar Moreno.

Revista Corpo a Corpo | Ed. 318