Além de queimar até 800 calorias em 1 hora, o patins in-line trabalha coxas, panturrilhas e glúteos. Especialista revela 4 dicas para quem quer começar a praticar o esporte

Texto: Cáren Nakashima | Adaptação: Nathália Henrique

Patinar pode queimar até 800 calorias por hora

Foto: Shutterstock

Se você não sucumbiu aos patins in-line na adolescência, ainda é tempo. Além de divertido, patinar pode torrar de 300 a 800 calorias por hora, de acordo com ritmo, volume e intensidade, com cerca de 70% menos impacto aos joelhos e quadris quando comparado à corrida. “Um dos esportes mais completos, a patinação trabalha a contrologia (habilidade de usar músculos e articulações da maneira mais eficaz possível), em que o desenvolvimento da consciência corporal é pré-requisito no desenvolvimento do patinador. Trabalha também o CORE, as coxas, as panturrilhas e os glúteos, além dos braços, que ajudam no equilíbrio, mudança de direção e impulsão”, enumera Erick Barreto, educador físico e professor idealizador da EB Roller School (SP). Para encarar os patins nos calçadões e parques nessa temporada, tenha em mente:

 

 

1. Ter medo é normal, mas você pode superá-lo. Segundo Erick Barreto,“com a instrução correta, pode-se sair patinando no primeiro dia”, diz.

2. O equipamento de segurança é fundamental. “Joelheira, cotoveleira, munhequeira e capacete deixam você segura e com vontade de aprender”, explica o professor.

3.Para se aventurar no esporte, a mulher deve ter em mente quea prática leva à perfeição e ele exige paciência e coordenação motora”, aconselha Erick Barreto.

4. Existem dois tipos de patins indicados para você: o fitness, mais confortável porque seu formato ajusta-se aos pés; e o free ride, cuja bota rígida oferece maior estabilidade. “Hoje em dia são os mais comuns de encontrar”, acrescenta Erick Barreto.

Revista Corpo a Corpo | Ed. 312