Não resiste a um docinho? Descubra quando você pode comê-los sem culpa de fugir da dieta

Texto Fernanda Cury | Edição Karine César | Adaptação Rebecca Nogueira Cesar

dieta

É permitido comer alguns doces durante a dieta

Foto: Danilo Borges

Prazeres permitidos: liberar alguns doces, de vez em quando, é necessário para que o projeto corpo enxuto não vire uma tortura.

“O segredo é não exagerar na quantidade e na frequência com que você coloca os alimentos calóricos na sua vida”, ensina Beatriz Botéquio de Moraes, nutricionista da Equilibrium Consultoria em Saúde e Nutrição (SP).

Foi à academia todos os dias da semana? Que tal se parabenizar saboreando um brigadeiro, mordida por mordida?

“E se não resistiu à tentação e comeu mais que um docinho, nada de remorso”, alerta Beatriz de Moraes. Mas pense bem antes de sair por aí movida pela gula. Afinal, recuperar-se de um deslize é até simples, mas de um atrás do outro, fica bem mais difícil...

Muita gente faz da culpa uma justificativa para ir mais a fundo nos exageros com pensamentos do tipo: “já estraguei tudo mesmo”. Não caia nessa!

Revista Corpo a Corpo | Ed. 298