As frutas oleaginosas, presentes em quase todas as receitas de natal, são fontes de gorduras boas, proteínas e ainda são potente antioxidantes, combatendo o envelhecimento. Aproveite que elas são tradicionais nesta época de festas e desfrute de seus benefícios

Reportagem: Carla Festucci

frutas oleaginosas

As frutas oleaginosas, além de tradicionais nas receitas de natal, possuem muitos benefícios e

uma composição nutricional riquíssima

Foto: SXC

As oleaginosas são fartas na época do Natal e têm muitos benefícios. Castanhas, nozes e amêndoas são fontes de ômega 3, ômega 6 e ômega 9 e por isso, auxiliam na redução do colesterol total. As oleaginosas também atuam como antioxidantes (combatendo os radicais livres, responsáveis pelo envelhecimento), já que possuem boas quantidades de selênio e vitamina E; e ainda previnem o corpo das dolorosas cãibras, devido à presença de minerais como o potássio e o magnésio.

Até as gorduras presentes nestas frutas são boas, chamadas de ácidos graxos essenciais. Mas atenção: "O consumo deve ser moderado, pois apesar do valor nutritivo dessas frutas ser elevado, não podemos esquecer que o valor calórico também é bastante significativo", alerta a nutricionista Viviane Corrêa do Nascimento, professora do curso de Nutrição e Dietética da Etec Júlio de Mesquita (SP). A sugestão dela então é consumir de duas a quatro unidades por dia - o suficiente para usufruir dos benefícios sem prejudicar a dieta!

Conheça as principais características das frutas oleaginosas mais conhecidas e consumidas no Brasil:

Amêndoa

É rica em proteína, fósforo, cálcio e vitaminas do complexo B. Seu óleo é tradicionalmente utilizado em produtos de beleza por ser rico em vitaminas A e B. 100 g possui 647 calorias.

Avelã

Contém proteínas, potássio, fibras, cobre e vitamina E em abundância. 100 g apresenta 725 calorias.

Castanha-do-Pará

Recém batizada "Castanha do Brasil", contém selênio (mineral antioxidante) e ômega 3 (gordura que evita doenças do coração). 100 g possui 683 calorias.

Castanha-de-Caju

É fonte de proteínas, rica em aminoácidos essenciais e ainda eleva o HDL (colesterol bom). 100 g apresenta 505 calorias.

Nozes

São ricas em vitaminas do complexo B, aminoácidos e minerais. Beneficia o sistema nervoso, reduz o colesterol ruim (LDL) e protege contra doenças cardíacas. 100 g possui 698 calorias.

Pistache

Fonte de proteínas, fibras, selênio, cálcio, ferro, potássio, magnésio, e vitamina E. Auxilia na redução do LDL (à medida que aumenta os níveis de HDL), reduzindo assim o desenvolvimento de doenças cardiovasculares. 100g apresenta 571 calorias.