Estudo finlandês aponta que as mulheres tendem a comer mais por razões emotivas e uma das causa é o estresse no trabalho. Será que você faz parte deste grupo?

trabalho

Pesquisa aponta que mulheres tendem a comer mais no trabalho, quando se estressam. Veja
Foto: SXC

O estresse no trabalho pode ser o motivo dos seus kilos extras. Segundo um estudo finlandês, publicado no American Journal of Clinical Nutrition, esse é o principal motivo que leva as mulheres a comerem mais, seguido da ansiedade e depressão. "Quem sofre estresse pode ser mais vulnerável à ingestão emocional e descontrolada", explica Nina Nevanpera, do Instituto Finlandês de Saúde Ocupacional, líder do estudo.

Cerca de 22% das participantes tinham em comum o grau de estresse no trabalho. Esse grupo tendia a comer de maneira oscilada, de acordo com as emoções. Quando o estresse aumentava, o hábito de comer crescia descontroladamente.

De acordo com  Sherry Pagoto, professora associada da Faculdade de Medicina da Universidade de Massachusetts e médica do Centro de Peso da mesma universidade, os resultados não são surpreendentes. "Se uma pessoa está exposta de maneira crônica a um elemento estressante, terá muitos problemas para emagrecer. E se uma pessoa não está com sobrepeso, o fato de comer emocionalmente não é uma boa ideia. É reforçar um hábito que não é saudável", completa a professora.

Portanto, cuidado com seus limites profissionais, ok?