O estudo dinamarquês indicou que o consumo diário de queijos aumenta os índices de butirato, ácido graxo que acelera o metabolismo. Entenda!

Texto Redação | Adaptação Ana Paula Ferreira

Os queijos possuem propriedades que aceleram

o metabolismo / Foto Shutterstock

Se você é apaixonada por queijos, vai amar essa notícia! Um estudo dinamarquês publicado no Journal of Agricultural and Food Chemistry apontou que o consumo diário de queijo promove o aumento dos índices de butirato – ácido graxo que acelera o metabolismo e, aparentemente, é estimulado por alguns micróbios presentes no intestino.

O que chamou atenção, contudo, foi que as versões consumidas durante a experiência foram as de média umidade, conhecidas como queijos de massa semidura – cheddar, prato, parmesão, provolone e mozarela, por exemplo. 

“No geral, uma boa média de consumo são três doses diárias de lácteos, propostas pela Organização Mundial da Saúde”, comenta Silmara de Andrade Figueiredo, porta-voz da Associação Brasileira das Indústrias de Queijo, de São Paulo.