O segredo está no momento da compra. Saiba quais são os cortes mais indicados para ter mais nutrientes e menos calorias na carne moída

Por Thainá Zolim | Foto Marcelo Resende | Adaptação Ana Paula Ferreira

Fácil de preparar e saborosa, a carne moída é uma das opções dos brasileiros para os preparos das refeições. Dentro da dieta, o indicado é o consumo de carnes magras e, na hora de escolher a carne para o corte, opte por patinho, músculo ou maminha, que já é o primeiro passo para diminuir o valor calórico dos seus preparos. "Para manter a dieta, o ideal é o consumo de carnes magras, sem gordura aparente, portanto, se tiver gordura, é importante que tire. Se alguma receita precisar de adição de gordura, essa pode ser substituída por fontes de gorduras mais saudáveis, como azeite extravirgem, por exemplo", indica a nutricionista da Clínica Fare (SP) Adriana Lima.

Na hora de incrementar o prato com os acompanhamentos, a nutricionista indica opções como arroz integral, saladas, purês e até mesmo sopa. “Se você está sem tempo e quer preparar um prato com poucas calorias, aposte em um escondidinho de patinho moído e refogado com abóbora cabotiá no lugar da batata, que agrega muito sabor e fibras ao prato", complementa.

Via Revista Dieta Já! Ed. 267