Confira 11 alimentos que ajudam a acelerar o metabolismo e queimar as gordurinhas da barriga

Por Rebecca Nogueira Cesar

metabolismo

Alguns alimentos aceleram o metabolismo e ajudam a 

queimar as gordurinhas da barriga

Foto Shutterstock

O metabolismo ajuda a queimar calorias e fornecer energia para o corpo. Praticar exercícios físicos estimula esse processo e ajuda a ganhar massa muscular , perder peso e secar a barriga.

A alimentação tem influência direta no metabolismo. “Existem alguns alimentos que demandam maior gasto energético dentro do nosso organismo e por este motivo são chamados termogênicos", explica a nutricionista Danielle Nascimento, do Programa de Saúde Alimentar Viva Melhor Risa Restaurantes. Esses e alguns outros alimentos ajudam a perder peso e queimar as gordurinhas da barriga. 

11 alimentos para secar a barriga

Confira uma lista de alimentos que aceleram o metabolismo e ajudam a queimar gorduras. Eles devem ser consumidos com moderação e aliados a atividades físicas. Antes de incluir qualquer alimento na sua dieta, consulte seu nutricionista, e veja as contraindicações.

1- Água gelada: ao consumir água gelada, o corpo precisa trabalhar mais para regular a temperatura corporal.

2- Alimentos termogênicos: como chá verde, gengibre, café, chá mate, chá branco, chocolate, pimenta do reino e pimenta vermelha.

3- Fibras: aumentam o tempo de digestão, ajudando a diminuir a vontade de ingerir doces.

4- Frutas cítricas: diuréticas, ajudam a diminuir a retenção de líquidos.

5- Aveia: rica em fibras, é ideal para ser consumida no café da manhã, pois ajuda a evitar petiscar no meio da manhã.

6- Legumesvegetais: são fontes de fibras e antioxidantes. Comer vegetais ajuda a diminuir o apetite, sem aumentar a ingestão calórica. “Comer uma variedade de vegetais irá fornecer o seu corpo com nutrientes essenciais, tais como: cálcio, proteínas, magnésio, ferro, potássio e vitaminas A, B e C”, conta Isabel.

7- Cereais integrais: substituir alimentos de farinha branca com alimentos integrais aumenta os nutrientes ingeridos. Além disso, são fontes de fibras, ácido fólico, vitamina E e magnésio, que ajudam na batalha contra a barriguinha.

8- Ovos: ricos em proteínas, auxiliam na queima da gordura do estômago. O ovo também fornece outros nutrientes, como a vitamina B12, que ajuda a liberar as células de gordura.

9- Alimentos ricos em vitamina C: brócolis, pimentões, kiwi, limão e laranja, possuem uma grande quantidade dessa vitamina que ajuda a processar as gorduras e perder peso de forma mais rápida.

10- Azeite: é uma fonte de gordura saudável, essencial para a queima de gorduras da barriga. Adicionar um pouco do alimento à saladas e legumes dão mais sabor e ainda ajuda a perder peso.

11- Nozes: outra fonte de gorduras boas, fornece proteínas, fibras, vitaminas e minerais que ajudam na queima das gordurinhas. Porém, deve ser consumido com moderação por ter alto valor calórico. 

Outras dicas para acelerar o metabolismo

Para manter o corpo trabalhando e queimando energia, é importante não pular refeições. “Quando adquirimos o hábito de fazer várias refeições durante o dia, em horário próximo, nosso corpo começa a queimar mais calorias. Nunca pule o café da manhã, pois é quando o metabolismo está mais acelerado. Se essa refeição não acontecer, diminui o consumo de energia durante todo o dia”, conta Isabel Andrade, nutricionista da Venutri.

Outra dica para manter o corpo trabalhando é beber muita água. O líquido é necessário em todas as funções básicas do organismo. Além disso, é importante ter uma boa noite de sono, pois se o corpo não descansar, irá economizar energia e ficará mais lento. Por isso, é imprescindível dormir de 7 a 8 horas por dia, assim o metabolismo sabe que pode gastar energia, que será reposta através do sono depois.

“Em alguns casos, a dificuldade na perda de peso pode ser consequência da diminuição da produção de hormônios pela glândula tireóide, o chamado hipotireoidismo. Para conferir se sua produção hormonal está em dia, consulte um endocrinologista”, afirma Isabel.

*Especialistas consultados: Isabel Andrade, nutricionista da Venutri; Danielle Nascimento, do Programa de Saúde Alimentar Viva Melhor Risa Restaurantes e André Veinert, nutrólogo.