Com tantas opções, fica difícil saber qual laser é adequado para cada caso. Por isso, fomos descobrir como funcionam os mais utilizados

Reportagem: Camila Saipp

depilação a laser

Além de ser menos dolorida, a depilação a laser dura
bem mais do que a tradicional 

Não é de hoje que a depilação com cera e com lâmina corre o risco de ser substituída por outras técnicas mais eficazes e mais indolores. A depilação a laser surgiu há alguns anos e no decorrer desse tempo só vem ganhando mais adeptas e aperfeiçoando cada vez mais suas técnicas, tanto que já existem no mercado diversos tipos diferentes de procedimento.

De acordo com a Dra. Anna Verônica Ziccarelli, médica responsável pela clínica Life Cell (RJ), em comparação aos métodos de depilação tradicionais, o laser é mais benéfico em diversos aspectos, principalmente pela comodidade que proporciona. “As mulheres estão cada vez mais optando pelo laser devido à praticidade de não precisar se submeter à depilação a cera ou lâmina de barbear, que além de outras coisas, podem causar irritações na pele. Além disso, só o laser oferece uma duração prolongada”, afirma a especialista.

O critério para a escolha do tipo de laser que será utilizado varia de acordo com o que a pessoa deseja. Se, por exemplo, a região a ser depilada for grande (perna ou virilha), o método indicado é um, já se a região for pequena, como o buço ou a axila, o procedimento será outro. Assim, para não ficar perdida entre as tantas opções, o ideal é que a paciente procure um médico especializado que lhe indique a melhor forma de tratamento para o seu caso.

Quanto à eficácia de cada método, a Dra Anna é categórica em afirmar que a depilação nunca será definitiva, porém os resultados variam muito de pessoa para pessoa. “A duração e a eficácia de cada procedimento vai variar de acordo com cada paciente. A depilação jamais será definitiva, será preciso fazer retoques semanais ou anuais. Nas mulheres, os pelos podem voltar a crescer com mais facilidade devido aos níveis hormonais”, afirma a médica.

A Corpo a Corpo consultou alguns especialistas que explicaram um pouco sobre os métodos que mais se destacam no mercado hoje em dia. Confira!