Conversamos com uma dermatologista que desmitificou algumas crenças populares e ainda sugeriu maneiras de evitar a queda de cabelo e trazer mais saúde para seus fios. Confira!

Texto Redação | Foto Shutterstock

Geralmente quem transpira demais no couro cabeludo, seja pela realização da atividade física ou porque é mais propenso, entra em um conflito baseado na crença popular de que lavar o cabelo diariamente pode estragar os fios, mas será que isso é verdade? “Desde que haja necessidade, principalmente para quem tem fios oleosos, trabalha em contato com poluentes ou ambientes de exposição ambiental contínua, ou pratica atividade física constante, esse paciente pode e deve lavar os cabelos diariamente, utilizando produtos de boa qualidade intercalando fórmulas mais neutras para uso diário e compostos à base de extratos vegetais”, afirma a dermatologista Claudia Marçal.

A médica explica que, se essa paciente tiver fios mais longos, é recomendado também o uso de bons condicionadores, reparadores de pontas e loção do tipo leave on ou elixir e sérum para evitar agressão e desidratação do fio. “Muitas vezes, a falta da lavagem mais contínua nestes casos predispõe à dermatite seborreica com prurido (coceira), descamação, e queda capilar”, afirma a médica.

De acordo com a especialista, no entanto, está contraindicado lavar os cabelos duas vezes ao dia e ainda dormir com os fios molhados. Mas atenção para as dicas da dermatologista: o ideal é não abusar da água quente, não lavar os cabelos à noite sem secar, o que pode provocar dermatite seborreica e queda. “Nesses casos, é importante aplicar o xampu apenas uma vez e o condicionador apenas no comprimento dos fios, para evitar que haja ressecamento das hastes capilares. Os produtos de coloração transparente, menos viscosos, com extratos vegetais, são os mais adequados para quem tem esta necessidade”, afirma.