Está insegura na hora de se vestir para ir trabalhar? Saiba o que evitar e como usar as roupas ideais durante o dia a dia profissional

Por Kelly Miyazato

Aposte nas dicas para arrasar no look de trabalho
Foto: Divulgação

Você sabia que existem regras básicas par ajudar as mulheres a manterem a classe e o conforto durante o dia a dia profissional? Pois é, e de acordo com Lu Carbonell e Tininha Almeida – consultoras de Imagem , mesmo sem um Código de Vestimenta, ou Dress Code, aquele manual que direciona os funcionários, é possível saber se vestir para ocasiões específicas.

"Geralmente, as empresas usam orientações verbais ou até subentendidas. Vai de cada caso e cada segmento, mas, vale muito o bom senso. Lembrando que nenhum profissional pode ser classificado ou desclassificado para um cargo pela maneira como se veste", explicam.

Mesmo assim, quando se analisa competência, é tradicional que as empresas também verifiquem a imagem que o funcionário transmite. Pesquisas já apontam que entrevistados vestidos mais adequadamente ganham a simpatia do entrevistador”, comentam.

“Vale ressaltar que nem todos os tipos de sapatos são adequados ao segmento corporativo. Estão praticamente descartadas as sandálias que deixam os pés muito à mostra: de tiras muito finas, com excesso de pedrarias ou amarrações nos tornozelos – são peças sensuais e devem ser evitadas, assim como, modelos anabela de salto de corda ou cortiça, que são muito informais”, recomendam.

Confira 6 dicas infalíveis das consultoras Tininha e Lu para acertar no look de trabalho:

1. Algumas peças-chave devem fazer parte do seu guarda-roupa: calças de alfaiataria, camisas de seda e algodão, blazers, macacões, saias lápis e vestidos. As peças podem ser coordenadas entre si e criar produções incríveis e muito funcionais.

2. Invista em peças de boa qualidade – para garantir maior durabilidade, e bom caimento – ao conferir destaque e sofisticação.

3. Prefira bolsas estruturadas, sapatos e cintos de matérias mais nobres.

4. Evite "balangandãs" barulhentos nas mãos e pulsos; brilhos em excesso. Acessórios como: lenços, echarpes de seda e colares discretos, garantem sobriedade e elegância.

5. Saltos médios ou baixos, como alguns modelos de sapatilhas – com bicos finos, são ideais para enfrentar a rotina diária.

6. Não use decotes e fendas profundas; transparências; blusas cropped (barriga de fora); vestidos/ saias muito curtas, já que o comprimento indicado é um pouco acima ou abaixo do joelho; roupas justas e coladas ao corpo; cores fortes e estampas chamativas. “Estes cuidados são essenciais, denotam profissionalismo, seriedade e inclusive são recomendadas para as festas da empresa” reforçam.

 * Agradecimentos à Lu Carbonell e Tininha Almeida – consultoras de Imagem.