Há quem diga que correr aumenta a flacidez da pele, principalmente do bumbum e dos seios. Veja como driblar e prevenir esse efeito

Correr deixa o bumbum e os seios flácidos?

Seios

Correr pode sim deixar os seios flácidos, mas há como evitar
Foto: ShutterStock

Isso depende do volume de corrida e se a corredora pratica musculação ou não.  Para quem corre 3 vezes por semana, por 60 minutos em dias alternados e utiliza um top seguro para manter os seis protegidos, não há risco de flacidez.

Já as corredoras que correm todos os dias e não utilizam uma proteção adequada para os seios, é bem provável que a flacidez apareça com o tempo.

 

Como impedir a flacidez


A musculação é muito importante para manter o tônus da musculatura e fortalecer toda a estrutura corporal. Alterne seu treino de corrida com musculação. Outra coisa que não pode faltar, são roupas de ginástica adequadas. O top tem que ser bem justo, para diminuir o balanço dos seios. As peças com alta compressão também ajudam bastante.

*Fonte: Rogerio Orban, professor de corrida e personal trainer da Academia Bodytech (unidade Eldorado)

Dependo do volume de corrida se a corredora pratica musculação ou não....
 
Para quem corre 3 x por semana em dias alternados, 60', utiliza um top seguro para manter os seis protegidos.....isso não deve acontecer...
A musculação é muito importante para manter o tônus da musculatura e fortalecer toda a estrutura.
 
Já as corredoras que praticam todos os dias, um volume muito alto de corrida, não utiliza uma proteção para os seios e tbm não pratica musculação...
é bem provável que com o tempo a flacidez tome conta principalmente dos seios pois o bumbum sempre é utilizado durante as corridas, em subidas, escadas, tiros......
mas se não tiver uma ajuda da musculação.....tbm pode ficar flácido!